DEVEMOS AMAR COM AMOR

 


DEVEMOS AMAR COM AMOR
Marcial Salaverry
 
 Quando amamos alguém, devemos sempre ter em mente, que devemos amar com amor, naturalmente, sem exageros, entendendo bem que tudo na vida tem seus limites, que sempre devem ser observados, para que se possa viver com equilíbrio. E sem dúvida, uma das coisas que mais consegue nos tirar desse ponto de equilíbrio ideal, é aquele sentimento que move o mundo, chamado de Amor.
Realmente o amor pode ser definido como o ato de querer bem a algo ou alguém. Não se sente amor apenas por pessoas, pois animais e objetos também podem ser alvo de nosso amor, que deve sempre ser ponderado, bem medido, devendo evitar excessos, que podem prejudicar a beleza desse sentimento que é de fato, algo muito nobre.
 
Devemos saber distribuir bem nosso amor, considerando em primeiro lugar, nosso Amigão, colocando-nos logo em seguida. Precisamos ter uma dose bem grande de amor por nós mesmos, sendo fundamental ter consciência da importância de nos amarmos acima de qualquer outra pessoa. Contudo, por vezes encontramos um certo alguém que balança nossas estruturas, e é justamente quando devemos saber manter nosso equilíbrio, para evitar que possa haver uma perigosa inversão de valores, se passarmos a  amar esse alguém mais do que a nós mesmos.
Precisamos nos conscientizar de que para poder bem amar a outrem, é imprescindível amar-nos acima de qualquer outra pessoa, para poder dar o devido valor ao amor que sentirmos.
 
Na verdade, não se ama MUITO ou POUCO. Ama-se, simplesmente, e por ser algo muito simples o ato de amar,não devemos deixar que outros sentimentos interfiram em nosso amor, tais como sentimento de posse, ciume, egoismo, e outros sentimentos menores.
Assim entendendo e vivendo o amor, podemos fazer de cada dia, sempre UM LINDO DIA.

 

 

Marcial Salaverry


[Voltar]

© Copyright Prosa & Poesia - Direitos Autorais Reservados