NA PRIMAVERA, O PRIMEIRO AMOR

 

 
 
NA PRIMAVERA, O PRIMEIRO AMOR
Marcial Salaverry

Foi no primeiro dia da Primavera, passeando pelo jardim da pracinha de sua cidade, Alda e Aldo cruzaram seus caminhos, e quase de imediato as almas sentiram
o impacto de uma atração irresistível. Seria efeito da Primavera? Se foi ou não, o certo é que se apaixonaram, e trocaram um ardente beijo...
 
E agora, alguns anos depois, sentaram-se no mesmo banco daquele jardim, e romanticamente Aldo diz para Alda o quanto sentiu o primeiro beijo:
- " Querida, relembro o primeiro beijo que trocamos, quando disse o quanto te amava, e o quanto desejava contigo viver uma linda história de amor.
E agora, para aquele momento reviver, quero olhar nos teus olhos, para então sentir totalmente a doçura desse instante que marcou nossas almas."
 
Alda emocionada, simplesmente respondeu:
- "Meu querido, quero agora reviver a emoção que naquele momento me encantou o coração, e que deixou uma perene marca em meus lábios.
Depois, desejo fechar os olhos, para bem
recordar a lembrança daquele momento mágico, a lembrança que ficou guardada para todo o sempre no
mais recôndito de minha alma, a lembrança daquela Primavera encantada que marcou o início de nosso amor..."
 
Aldo fechou os olhos, recordando-se daquele instante mágico, e depois, ao abrir os olhos desejou  abraçar sua amada,  sentindo  o calor daquela emoção, revivendo a sensação sentida no momento daquele primeiro beijo tão amorosamente trocado, e um primeiro e apaixonado beijo realmente é inesquecível...
 
Reviver aquele momento inesquecível, é reviver o amor que desde então habita o coração dos enamorados, e que sempre dá mais vida à vida, dá mais calor às almas
apaixonadas, e agora, com mais um beijo, voltar a sentir tudo novamente, confirmando que aquele primeiro beijo, foi o primeiro de uma série que jamais terminará...
 
A Primavera sempre desperta o amor, dando aquele toque de romantismo que ajuda a despertar um sentimento que está latente na alma.
 

 

 

Marcial Salaverry


[Voltar]

© Copyright Prosa & Poesia - Direitos Autorais Reservados